Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ridi.ibict.br/handle/123456789/818
Tipo: Trabalho apresentado em evento
Título: Culturas de vigilância, regimes de visibilidade: novos caminhos para a pesquisa em Ciência da Informação
Autor(es): Bezerra, Arthur Coelho
Abstract: Embora as práticas de vigilância estejam diretamente ligadas à circulação e apropriação da informação e, especialmente, de dados pessoais, trabalhos dedicados a esse tema ainda são raros no contexto brasileiro de produção acadêmica da Ciência da Informação. Buscando ampliar o conhecimento de pesquisadores da área sobre as práticas de vigilância presentes nas sociedades contemporâneas, apresentarei os conceitos de “culturas de vigilância”, de Lyon, e de “regimes de visibilidade”, de Bruno, Kashimiro e Firmino, que ajudam a pensar em como a cultura de compartilhamento de informações pessoais, vigente nas redes digitais, convive com um modelo de vigilância distribuída, operado de maneira descentralizada por governos, empresas e indivíduos, que põe em xeque as liberdades individuais. Ao final, discutirei a importância da privacidade individual como um dos principais pontos contemplados pelo marco civil da internet brasileira, não sem antes discorrer sobre os estudos do campo da vigilância que marcaram a produção acadêmica do último século sobre o tema.
Palavras-chave: Vigilância; Visibilidade; Monitoramento; Panoptismo; Controle.
Editor: ANCIB
Citação: BEZERRA, Arthur Coelho. Culturas de vigilância, regimes de visibilidade: novos caminhos para a pesquisa em Ciência da Informação. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 15., 2014. Anais... Belo Horizonte: ANCIB, 2014. GT3, p.1394-1407.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://ridi.ibict.br/handle/123456789/818
Data do documento: 2014
Aparece nas coleções:Trabalhos apresentados em Congresso no Brasil

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
GT3Anais2014.pdf4,72 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons