Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ridi.ibict.br/handle/123456789/996
Tipo: Dissertação
Título: As coleções de plantas em herbários: a organização e representação da informação sob aspectos históricos e parâmetros metodológicos
Autor(es): Pinheiro, Thaís Mayumi
Primeiro orientador: Souza, Rosali Fernandez de
Membro da banca: Biolchini, Jorge Calmon de Almeida
Membro da banca: Loureiro, Maria Lucia Niemeyer Matheus
Resumo: Esta pesquisa teve como objetivo geral, investigar padrões de organização e representação da informação de coleções de plantas em herbários, visando identificar parâmetros de disseminação e recuperação de informação. Para isso, buscou-se identificar marcos históricos do desenvolvimento da Botânica e dos seus sistemas de classificação ao longo dos períodos históricos do Ocidente. Foi enfocada a criação dos sistemas de classificação de plantas, analisando como estas classificações se relacionam com a organização e representação da informação de coleções. Este trabalho teve como referência teórica uma pesquisa interdisciplinar, com aporte da Ciência da Informação, focando em princípios da Organização da Representação da Informação e do Conhecimento. Foi analisada a organização de bases de dados online dos cinco maiores herbários do mundo em quantidade de espécimes, visando identificar semelhanças e diferenças dos elementos de representação dos itens das coleções. Para a análise e comparação dos dados das bases, foram enfocados os campos de busca e de informações sobre os espécimes. Essas análises apontaram a configuração atual da organização e representação dos dados científicos sobre coleções de Herbários, enfocando as informações que estão disponibilizadas para o acesso público e que possibilitam o fazer científico. Pode-se observar que há intersecções nas soluções e nos problemas de disseminação e recuperação de dados sobre coleções de herbários, e que há possibilidades de caminhos convergentes. E, além disso, foi possível perceber que os sistemas de classificação de organização do conhecimento botânico são parte essencial para a organização e representação da informação sobre coleções de herbários. Nesta pesquisa, concluiu-se que não há um padrão único seguido pelos herbários analisados nos parâmetros de disseminação e recuperação da informação. Ainda que haja similaridade nos campos de identificação básicos, há uma série de outros campos que não são compartilhados por todos. Concluiu-se que há uma demanda ainda não totalmente correspondida por agregar e cruzar informações de coleções.
Abstract: The objective of this research was to investigate patterns of information organization from herbarium collections in order to identify information dissemination and retrieval parameters. For this, we identified historical landmarks of the development of Botany and its classification systems throughout the historical periods of the West world. The creation of the systems of classification of plants were analyzed, and also their relation with collections‘ information. This work had as theoretical reference an interdisciplinary research with the contribution of Information Science, focusing on principles of Knowledge Organization. We analyzed the organization of online databases of the five largest herbariums in the world (in quantity of specimens), aiming to identify similarities and differences of the elements of representation of the collections items. For the analysis and comparison of the data of the bases, the fields of search and information about the specimens were focused. These analyzes pointed out the current configuration of the organization and representation of scientific data on Herbarium collections, focusing on information that is available for public access and that makes it possible to make science. We could observe that there are intersections in the solutions and problems of dissemination and retrieval of data on herbarium collections, and that there are possibilities of convergent paths. In addition, we note that the knowledge organization of Botany and botanical classification systems are an essential part of the information organization and representation of on herbaria collections. In this research, we conclude that there isn‘t a pattern followed by the herbaria analyzed in the parameters of information dissemination and retrieval. Although there is similarity in the basic identification fields, there are a number of other fields that are not shared by all. It was concluded that there is a demand not yet fully matched for aggregating and cross-referencing collections.
Palavras-chave: Ciência da informação
Coleções botânicas
Organização e Representação da Informação
Bases de dados online
Herbários
Botânica
Botanical collections
Information Organization and Representation
Online databases
Herbarium
Information Science
Botany
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::CIENCIA DA INFORMACAO
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia/Universidade Federal do Rio de Janeiro
Sigla da instituição: IBICT/UFRJ
Departamento: Escola de Comunicação
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://ridi.ibict.br/handle/123456789/996
Data do documento: 30-Mar-2017
Aparece nas coleções:Teses e Dissertações do PPGCI IBICT-UFRJ

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Thaís Mayumi PINHEIRO - MESTRADO - 2017-.pdf1,58 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons