Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ridi.ibict.br/handle/123456789/118
Tipo: Artigo
Título: Informação e informática em saúde: caleidoscópio contemporâneo da saúde.
Título(s) alternativo(s): Information and information technology in health: contemporary health kaleidoscope.
Autor(es): Moraes, Ilara Hämmerli Sozzi de
González de Gómez, Maria Nélida
Abstract: Este ensaio assume como pressuposto que as atuais práticas e saberes de Informação e Informática em Saúde não dão conta da complexidade dos processos de saúde/doença/cuidado e dos problemas contemporâneos a serem superados, constituindo-se em um dos limitantes para a ampliação da capacidade de resposta do Estado brasileiro. Tem por objetivos aprofundar a compreensão da gênese e dos determinantes desses limites e analisar alternativas para sua superação que dependem menos de iniciativas pontuais internas ao campo da informação e mais, dentre outras, da adoção de novos referenciais, a começar pelo significado e conceito de Saúde. Identifica a existência de um 'intercampo de informação e informática em saúde' que se consubstancia tanto a partir de uma epistemologia que tenha por referencial a abordagem transdisciplinar, quanto da consolidação de um processo político-histórico de construção institucional, espaço portador de potência e relevância: intercampo político-epistemológico. Desenvolve essa análise através de estudo exploratório dos processos sociopolíticos e epistemológicos presentes na construção histórica das redes de informação em saúde constituídas pela C&T em saúde, pelos sistemas e serviços de saúde e pelas informações sociais, políticas e econômicas.
[en]This essay is based on the assumption that current practices and knowledge of Information and Information Technology in Health are unable to deal with the complexity of the health/disease/care processes and contemporary problems that must be overcome, curbing the expansion of the response capacity of the Brazilian State. It aims to further explore the understanding of the roots and determining factors behind these constraints, analyzing alternatives for confronting them that depend less on location-specific initiatives in the field of information and more - among others - on the adoption of new benchmarks, starting with the meaning and concept of Health. It identifies the existence of an 'information and information technology interfield' that arises from an epistemology based on a transdisciplinary approach, as well as the consolidation of a political and historical process of institutional construction, an area endowed with power and relevance: a political-epistemological interfield. The analysis goes on through an exploratory study of the social, political and epistemological processes found in the historical construction health information networks established by Science and Technology in health, as well as by healthcare systems and services, in addition to social, political and economic information.
Palavras-chave: Informação em saúde
Informática em saúde
Política de saúde
Processo decisório
Epistemologia
Citação: Ciência & Saúde Coletiva, v.12, n.3, 2007. p. 553-565
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://hdl.handle.net/123456789/118
Data do documento: 2007
Aparece nas coleções:Artigos em Revistas publicadas no Brasil

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
GONZALEZDEGOMESSaudeColetiva2007.pdf101,78 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este arquivo é protegido por direitos autorais



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.